Pesquisar este blog

Páginas

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Felizes Anos Novos

Feliz ano novo para o velho e para o novo...para as velhas e novas idéias, para os medos, os desafios, os amores, as amizades, os sons, os cheiros, os gostos, as pessoas, as crises....para todas as coisas que nos fazem evoluir, que nos fazem felizes.

Que tenhamos muitas ambições, mas que nosso mundo não acabe quando algo não acontecer como o planejado.
Que passemos muito tempo, muito mesmo, rindo. Rindo de toda e qualquer coisa, especialmente de nós mesmos.
Que possamos erguer a cabeça todas as vezes que estivermos chorando.

Que amemos muito, muitas coisas diferentes. Nossos corações precisam ser dinâmicos.

Esse é meu desejo diário para mim e todas as outras pessoas, mesmo as que eu não conheço. Sei que se os outros estiverem bem é muito mais provável que eu também esteja.

Então eu deixo aqui uma das músicas que mais tenho prazer em repetir e repetir e repetir...e nunca canso. Scopions com a Orquesta Filarmônica de Berlim foi uma união inusitada, genial, contagiante, extraordinária... não conheço palavras suficientes para descrever, mas vejam o vídeo.

Que nossos dias sejam tão dinâmicos quanto possível.

video

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Indignação(?)

Que mundinho pobre que nós temos!

Não sei se o que estou sentindo agora é tristeza, nojo ou desânimo.

Eu conto o motivo:
Ontem criei meu perfil no Facebook, um desses sites de fofocas que todo mundo conhece. E esse já está famoso, a maioria dos meus amigos já tinham há tempos e me mandavam convites. Pois bem, agora há pouco entrei pra ver alguns perfis, pra conhecer o site.... essas coisas...e caraca! Entrei num perfil que estragou tudo, me fez ver que estou aderindo a alguns valores sociais ridículos.
O perfil é baseado em fotos da pessoa, com poses sensuais, desfile de marcas e elogios dos amigos dizendo como é linda.
Sim, e ela é linda. Não conheço pessoalmente pra saber se é linda de verdade, mas uma coisa eu garanto: não quero que me julguem feia fisicamente, mas também não quero que minha beleza física seja o requisito pra me conhecer melhor ou que seja minha melhor característica.
As fotos me fizeram lembrar de uma pessoa que visitei essa semana. Vocês não iriam querer ver a situação em que ela vive. Africa é pobre???? Ah...meus amigos...conheçam melhor o Brasil, então verão a que nível nossas diferenças sociais estão!
De um lado um desfile de moda, garotas e garotos que saem pra balada pra julgar qual é a melhor aparência. De outro pessoas que agradecem por terem sobrevivido mais um dia, simplesmente.
Eu não sei se essa minha verdade é uma boa verdade ou se vai continuar sendo minha por muito tempo, mas eu não quero desfilar! Não tenho tempo pra isso enquanto vejo tanta injustiça. Tenho que buscar conhecimento porque só isso poderá me libertar e, talvez, libertar quem esteja por perto de mim.
Ah, sim! Mas como eu mesma diria se não estivesse tão zangada: cada um vive sua realidade. Mas isso é como diz a mãe da Fiona, no Shrek II: todos nós devíamos nos preocupar em saber quem é o rei, porque, por mais que sejamos princesas e príncipes clássicos, por incrível que pareça, o que acontece com os outros também nos atinge, de uma forma ou de outra.
(Agora imaginei aquela "princesa" da foto tendo seu namorado morto por um traficante - por acidente numa briga entre usuário e traficante, ou então seu carro roubado pra que o menino que eu visitei essa semana tivesse condiçoes de comprar uma roupa de marca como a dela. Ué? Mas não são esses os bons valores? Comprar roupas de marca para desfilar! É isso que vale a pena na vida, é esse o sentido da vida, nao é?! Foi ela mesma quem disse que era importante quando mostrou isso nas próprias fotos.)
Ah! Essa indignaçao vai passar, mas, por enquanto, estou me sentindo mal em fazer compras desnecessárias na semana passada....não sei ao certo porquê às vezes entro na onda desse consumismo maluco.
E agora ainda é Natal...."mostre pras pessoas que você as gosta dando coisas à elas"....tempos em que uma simples companhia, uma boa conversa já não bastam....
ahhh! Vou ler meu Harry Potter pra que ele salve meu mundo de uma vez!!!!

domingo, 19 de dezembro de 2010

A true

"It's only with the heart that one can see clearly. What's essential is invible to the eye."

"Só se vê claramente com o coração. O que é essencial é invisível para os olhos."


Antoine Saint-Exupéry

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Alucinação - Engenheiros do Hawaii

video

"Eu num tô interessada em nenhuma correria, em nenhuma fantasia ou em algo mais...ou no Profeta do Terror que a Laranja Mecânica anuncia...amar e mudar as coisas (dentro de mim) me interessa mais, muito mais!"

"Minha alucinação é suportar o dia-a-dia, meu delírio é a experiência com "coisas reais"...

Eu ainda não sei ao certo o que é real, mas certamente eu vivo uma alucinação constante, querendo que o mundo veja com olhos diferentes a mesma realidade. E, enquanto isso não acontece, eu faço de conta que algumas coisas já mudaram e continuo vivendo minha própria realidade-alucinação, sem dar muita bola para o que os outros vão pensar (nem sempre!) ou para o que os outros fazem.

Hoje não quero mais mudar o mundo tanto quanto eu já quis um dia...vejo que cada um vê a realidade diferente mesmo e não adianta querer operar olhos que não querem ver diferente, assim como os meus próprios.
De vez em quando passo por experiências que imagino descobrir que, realmente, quanto mais eu conheço, mais eu descubro como sou ignorante...mas ainda não tenho certeza do quanto quero saber.

Eu gosto muito de Engenheiros do Hawaii, é quem melhor expressa na música o que eu penso sobre a vida, não só nessa letra, mas em muitas outras.

Apesar da baixa qualidade do vídeo, esse clipe tá valendo pela letra e pela criação...muito boa a introdução que foi feita!

domingo, 12 de dezembro de 2010

Luz dos Olhos - Nando Reis

video


Um presentinho para alguém muito especial que estará de aniversário nesses dias....

Foi um pouco difícil decidir qual música postar (estava entre Nando Reis e Engenheiros do Hawaii - Quebra-cabeça), mas acho a qualidade dessa música sensasional...especialmente nesse DVD, gravado na beira da praia, com ar de descontraçao, de prazer na arte da música, da demonstraçao de prazer em compartilhar bons momentos com quem se gosta...e, claro, pela voz da guria, que além de linda canta muito bem.

Há muito para se dizer sobre alguém que se gosta...admira...tem-se prazer em estar junto...quem sente sabe...é uma sensaçao incomparável sempre...diferente...

Pelas nossas semelhanças e diferenças. Pelas horas que passamos juntos e pelas que espero passar ainda (e espero que sejam muitas!).

sábado, 4 de dezembro de 2010

If we ever meet again - Se nunca mais nos encontrarmos

Eu aqui falando do filme e de como tem a ver comigo, aí me vem um vídeo de uma que tem a ver com os dois, comigo e o filme. Já no primeiro refrao, "What is someone like you doin' in a place like this?"ou "O que alguém como você está fazendo num lugar como este?"...essa sensaçao de nao estar adaptada a nada e a ninguém, de nao satisfaçao com a situaçao atual, nunca - mas nao fico reclamando o tempo todo...)
Eu adoro ver meninas tocando violão e cantando, adoro ver a Nina (uma menina/mulher maravilhosa que fez parte da minha vida) fazendo isso porque vejo nela o ideal de uma menina, incluindo os esportes e a música, além da personalidade.

E esse vídeo tem uma menina linda tocando violão e cantando uma música. Acho que nao poderia existir razoes maiores que essa pra eu ter visto esse vídeo mais de dez vezes consecutivas hoje, quando o encontrei.


video

Eat, Pray, Love

Incrível como os filmes da Julia Roberts sempre têm a ver com o que estou vivendo na época de lançamento!
O novo filme, "Eat, Pray, Love" ou, em português, "Comer, rezar e amar é só começar" é baseado na história real de uma pessoa que, cansada dos relacionamentos que tinha, decidiu viajar pelo mundo e viver novas experiências.
Eu ainda nao assisti ao filme, espero assistir essa semana, mas pelo que vejo no trailler nao vai me decepcionar. A Julia é já muito tempo a atriz que faz os filmes mais marcantes da minha vida. (Desses Holiwoodianos comerciais, além de Pacht Adams, Harry, Nárnia e Senhor dos Anéis...kkkkkkk)

Enfim, aqui o trailler na versão brasileira:

video


E pra quem gosta dos originais, como eu, aqui a versão oficial:

video

Se gostou, quer ver mais e mora em Chapecó, aqui está a programaçao dos cinemas:
04/12 - SAB - 15:10 / 19:45 / 21:30
05/12 - DOM - 15:10 / 19:45 / 21:30
06/12 - SEG - 19:45 / 21:30
07/12 - TER - 19:45 / 21:30
08/12 - QUA - 15:10 / 19:45 / 21:30
09/12 - QUI - 19:45 / 21:30

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Desejos

Muitas vezes eu quero morrer por ainda não ser a pessoa que eu gostaria de ser...mas se eu morrer agora nem ao menos terei a chance de tentar...!

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Pressa (?)

"A pressa passa, mas o que você fez com pressa fica."

sábado, 27 de novembro de 2010

Um segredinho...

"Fizeram a gente acreditar que amor mesmo, amor pra valer, só acontece uma vez, geralmente antes dos 30 anos. Não contaram pra nós que amor não é acionado, nem chega com hora marcada.

Fizeram a gente acreditar que cada um de nós
é a metade de uma laranja, e que a vida só ganha sentido
quando encontramos a outra metade.
Não contaram que já nascemos inteiros,
que ninguém em nossa vida merece carregar nas costas
a responsabilidade de completar o que nos falta:
a gente cresce através da gente mesmo.
Se estivermos em boa companhia, é só mais agradável.

Fizeram a gente acreditar numa fórmula chamada "dois em um":
duas pessoas pensando igual, agindo igual,
que era isso que funcionava. Não nos contaram que isso tem nome:
anulação. Que só sendo indivíduos com personalidade própria
é que poderemos ter uma relação saudável.

Fizeram a gente acreditar que casamento é obrigatório
e que desejos fora de hora devem ser reprimidos.
Fizeram a gente acreditar que os bonitos e magros são mais amados,
que os que transam pouco são caretas,
que os que transam muito não são confiáveis,
e que sempre haverá um chinelo velho para um pé torto.
Só não disseram que existe muito mais cabeça torta do que pé torto.

Fizeram a gente acreditar que só há uma fórmula de ser feliz,
a mesma para todos, e os que escapam dela
estão condenados à marginalidade.
Não nos contaram que estas fórmulas dão errado, frustram as pessoas,
são alienantes, e que podemos tentar outras alternativas.

Ah, também não contaram que ninguém vai contar isso tudo pra gente.
Cada um vai ter que descobrir sozinho.
E aí, quando você estiver muito apaixonado por você mesmo,
vai poder ser muito feliz e se apaixonar por alguém"

by John Lennon

We are the world (2010)

video

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Carpe Diem!

Como diz o ditado:
"Você nasce sem pedir e morre sem querer. Aproveite o intervalo"
Afinal..."There's no need to complicate...Our time is short" (Não compliquemos...Nosso tempo é curto) (tradução minha).


video



The lyric by Jason Mraz:

"Well you done done me and you bet I felt it
I tried to be chill but you were so hot that I melted
I fell right through the cracks and I'm trying to get
back
Before the cool done run out I'll be giving it my
bestest
Nothin's gonna stop me but divine intervention
I reckon it`s again my turn to win some or learn some

But I won't hesitate no more, no more
It cannot wait, I'm yours

Well open up your mind and see like me
Open up your plans and damn you're free
Look into your heart and you'll find love, love, love
Listen to the music of the moment people dancing and sing
We're just one big family
It's your godforsaken right to be loved loved loved

So I won't hesitate no more, no more
It cannot wait I'm sure
There's no need to complicate
Our time is short
This is our fate, I'm yours

I've been spending way too long checking my tongue in
the mirror
And bendin' over backwards just to try to see it
clearer
My breath fogged up the glass
So I drew a new face and laughed
I guess what I'm sayin is there ain't no better
reason
To rid yourself of vanity and just go with the
seasons
It`s what we aim to do
Our name is our virtue

But I won't hesitate no more, no more
It cannot wait I'm yours

Well open up your mind and see like me
Open up your plans and damn you're free
Look into your heart and you'll find that the sky is yours
Please don't, please don't, please don't
There's no need to complicate
Cause our time is short
This oh this this is our fate, I'm yours

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

UFFS abre inscrições para próximo ano letivo

Agora é a hora!
Quem quer ser aluno de um dos cursos de graduação da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) a partir de 2011 e já fez o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2009 ou 2010, precisa se inscrever no Processo Seletivo da instituição. As inscrições acontecem de 19 de novembro de 2010 a 16 de janeiro de 2011 e podem ser feitas pelo site da instituição (www.uffs.edu.br).

A Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) tem um Processo Seletivo por ano. Para concorrer às vagas de graduação na UFFS, o candidato precisa fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e, depois, se inscrever no Processo Seletivo da instituição.

O candidato ao Processo Seletivo UFFS/2011 será avaliado de acordo com
seu desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio nos exercícios de 2009
ou 2010 (Enem/2009 ou Enem/2010).
No momento da inscrição o candidato deverá optar pela nota do
Enem/2009 ou Enem/2010, sendo a opção de caráter definitivo e a única a ser
utilizada para o referido processo.

A nota do Enem é o referencial básico para o ingresso. A UFFS também aplica o fator escola pública: o aluno recebe bonificação de acordo com o número de anos estudados em escola pública no ensino médio.


As vagas são para o primeiro e segundo semestre. Sao 19 Cursos para Chapecó, 5 para Cerro Largo, 8 para Erechim, 6 para Laranjeiras do Sul e 4 para Realeza.

Chapecó oferece Agronomia, Ciência da Computação,Enfermagem, Engenharia Ambiental e Energias Renováveis, Filosofia, Geografia, História, Pedagogia, Letras - Português e Espanhol e Sociologia.

domingo, 21 de novembro de 2010

Harry Potter no cinema em Chapecó

video

"



"Baseado no livro de J.K. Rowling, divido no cinema em dois filmes. Harry corre contra o tempo e enfrenta o mal tentando destruir as horcruxes. Em meio a sua luta, ele descobre a existência dos três objetos mais poderosos do mundo dos bruxos: as Relíquias da Morte."


Programaçao no cinema de Chapecó:

Cens: 12 anos / Dur.: 147 min. / Gên.: Aventura / Legendado
21/11 - DOM - 15:30 / 18:30 / 21:30
22/11 - SEG - 15:30 / 18:30 / 21:30
23/11 - TER - 15:30 / 18:30 / 21:30
24/11 - QUA - 15:30 / 18:30 / 21:30
25/11 - QUI - 15:30 / 18:30 / 21:30


Extraído de portalchapeco.com.br

Am I the Captain of my soul?

I watched "Invictus" (a movie about Nelson Mandela`s life) today. It was my first time and I diin't watch the end, but I needed to do a question to me: Am I the Captain of my soul?


The poem by the english poet Willian Ernest Henley:


Out of the night that covers me,
Black as the pit from pole to pole,
I thank whatever gods may be
For my unconquerable soul.

In the fell clutch of circumstance
I have not winced nor cried aloud.
Under the bludgeonings of chance
My head is bloody, but unbowed.

Beyond this place of wrath and tears
Looms but the Horror of the shade,
And yet the menace of the years
Finds and shall find me unafraid.

It matters not how strait the gate,
How charged with punishments the scroll,
I am the master of my fate:
I am the captain of my soul


video

Em português:
video

sábado, 13 de novembro de 2010

Somos todos padronizados?

"Como tudo está esquisito hoje. E ontem era tudo exatamente como de costume!
Será que fui eu que mudei à noite?
Deixe-me pensar: eu era a mesma quando levantei hoje de manhã? Eu estou quase achando que posso me lembrar de me sentir um pouco diferente. Mas se eu não sou a mesma, a próxima pergunta é: Quem é que eu sou? Ah, essa é a grande charada."

Quem sou eu?

Uma pergunta tao atual escrito num inoscente livro infantil de 1800 e guaraná sem bolinhas...

Por que tantas vezes temos uma mesma ideia de outras pessoas sobre alguma cena, livro ou moral?
Somos todos um mesmo padrão? Caraca! Eu nao quero acreditar que somos todos da mesma matriz....nao quero ser igual! Ou quero?

Por que os textos clássicos falam de temas tao atuais?
Por que sentimos tristeza e alegrias em certas ocasioes, da mesma forma que todos os outros?

"eu quero te contar uma coisa, que pode nao fazer muito sentido, mas eu preciso dizer pra que um dia isso faça sentido e faça se sentir melhor: a uma certa altura da sua vida, quando tiver passado boa parte dela, você vai abrir os olhos e vai se ver por aquilo que você é, principalmente por tudo que te tornou tao diferente da chatice das pessoas normais, e vai dizer a si mesma: 'eu sou essa pessoa', e nessa afirmaçao tao acertiva haverá um tipo de amor."
(fala da professora de ballet da Phoebe em "Uma menina no país das maravilhas")

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Estreia hoje no SESC Chapecó documentário "Celibato no Campo"

É hoje o lançamento do documentário produzido pelos chapecoenses Cassemiro Vitorino e Ilka Goldschmidt (professora do curso de jornalismo na UnoChapecó) chamado “Celibato no Campo”. O projeto foi premiado pelo Edital Prêmio Cinemateca Catarinense / Fundação Catarinense de Cultura de 2008 e finalizado em agosto de 2010.
O filme tem duração de 52 minutos e aborda as razões para o aparecimento de um novo fenômeno social: o celibato masculino no campo. Como diz um dos personagens do documentário: “As moças saem, vão estudar e não voltam mais”. Com a intensa migração de jovens filhos de agricultores para as cidades, especialmente moças, constata-se a redução no número de casamentos, a masculinização e o envelhecimento no meio rural.
Os personagens do filme são do interior de três cidades do oeste catarinense: Formosa do Sul, Saudades e Seara. No lançamento os músicos Márcio Pazin e Carol Pereyr, compositores da trilha do filme, fazem um pocket show com os acordes do Celibato no Campo.

Para ver o trailler:

http://www.youtube.com/watch?v=SbMFC0uj_GA


Obrigada, Fábio Dallas, pela dica.

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Músicas eternas

Tal como os clássicos da literatura, onipresentes e oniscientes, há músicas que expressam a verdade atual, mesmo que escritas antes da geração de hoje ter nascido.

Pink Floyd, além de serem os pioneiros do Rock Progressivo, compos músicas psicodélicas, que tornaram-se clássicos eternos.

Teremos ainda compositores com tanta magnificiência?



video

sábado, 30 de outubro de 2010

Simples Acaso

É incrível como temos dificuldade em aceitar que nao passamos de animais!
Chega parecer um crime falar isso, mas somos...fazer o quê?

Somos animais tanto quanto um cachorro, um macaco, um gato, um leao, um rato...animais, livres e comprometidos com nossa espécie.

Comprometidos com nossa espécie?
Onde?
Quando?
Quem?

Mas enfim, dependemos dos elementos naturais para viver. Morremos, nao vamos ao cés - ou se formos nao seremos a única espécie a habitá-lo, porque simplesmente NAO SOMOS MELHORES QUE NINGUÉM ! ! ! Nem da nossa espécie, nem das outras.

Estamos (in/e)voluindo como as outras, sofremos consequencias pelos mesmos desastres naturais, necessitamos de alimentação tanto quanto eles.

Nos diferenciamos das outras espécies em alguns aspectos sim , nao posso negar (afinal, temos polegar opositor!), mas sao apenas diferenças necessárias à sobrevivência, tal como os outros: alguns carnívoros, outros vegetarianos; alguns vivem no gelo, outros no deserto; alguns com pescoço enorme, outros quase sem,....

Sim, necessitamos de conhecimento, diversao, prazer, amigos, sexo, ler, pensar...mas é somente uma condição para sobreviver, porque sem isso ficamos doentes, nao nos alimentamos bem, morremos.

Vamos aceitar a morte, as tristezas, as alegrias, as dificuldades e facilidades de convivência tal como acontecem nao porque há um "Deus" que quer assim, mas simplesmente porque somos SOMENTE mais uma espécie que vive num pequeno planeta do universo solar.

Somos um simples acaso da evolução.

Felicidade

Ficamos infelizes na busca pela felicidade.

Ficamos frustados em tentar ser feliz, mas nosso principal objetivo é ser feliz (?). Ora, de que adianta viver se nossa principal busca nos resulta justamente no oposto do que queremos?

Buscamos ser felizes para viver melhor, mas só somos felizes se nao buscarmos por isso.
É sem lógica, mas é a verdade.

Nossas lembranças de momentos felizes podem nos mostrar que naquele momento nao estávamos buscando isso, estávamos apenas ...vivendo!

Vivendo, pelo simples prazer de viver.


(07/janeiro/2009)

O SER Humano

Ah...o ser humano...


SER humano
SerHUMANO
serhumano
serumano
seromano
ser o MANO
serromano
ser romano
SERRO humano!


(janeiro / 2009)

As crianças de Uganda vivem!

Porque reclamo tanto?

Nossa, em momentos como esse sinto vergonha das minhas lamentações.

Kony é uma que vive na Uganda com muitas outras crianças numa realidade bem diferente da minha.
Nao consigo imaginar como as pessoas desse país nao se matam, nao sei de onde tiram tanta força para viver. A guerra do Exército de Resistência do Senhor nao só torna aquelas crianças soldados-escravos deles como também mata seus pais e irmãos na frente de cada uma das crianças. As poucas que conseguem fugir, tal como Kony, se, e quando, conseguem abrigo em algum familiar sofrem pela miséria e preconceito. Alguns têm a vaga esperança de conseguir alguma bolsa de estudos em escolas secundáris através do esporte. Para isso, correm descalços, da forma que conseguem, e ainda têm de enfrentar a triste realidade de conseguir participar da competição nacional só se conseguirem o primeiro lugar. Competem com a garra de olimpíadas, com a esperança de esportistas mundiais.
E eu, que vivo numa boa aqui no Brasil, um país tao lindo (apesar de corrupto tal como todos os outros), com minha família por perto, trabalho, amigos, internet em casa, tv a cabo, roupas, bons alimentos (imagine o que seria dizer ao Kony: "Você vai ter sua família de volta, vai ter uma casa para morar, com banheiro, água, luz, tv a cabo, internet...vai ter dois pares de tênis, roupas, vai ir à escola todos os dias, poderá se alimentar bem...."Ele nem sabe o que é um banho de chuveiro!!!).
O que uma criança como Kony pensa da vida?
E ainda nem podemos culpar o racismo, já que o monstro é da mesma raça que as vítimas...

(texto escrito em 2008)

Onde está a bola de vidro?

Conta uma velha lenda hindu que houve um tempo em que todos os homens tinham acesso ilimitado com os deuses através de uma bola de vidro, mas abusaram de tal modo da sua natureza divina que Brahma, o Senhor dos Deuses, decidiu retirar-lhes a bola e escondê-la em algum lugar onde lhes fosse impossível encontrá-la.
O problema, contudo, era encontrar esse esconderijo, afinal, os homens sao muito curiosos e é difícil encontrar algum local que nao haveriam de descobrir.
Brahma convocou, pois, todos os deuses: o deus oceano, o deus das árvores, a deusa água, e todos os outros menores afim de resolver esse problema. A primeira sugestao veio do deus da terra, mas Brahma respondeu-lhes que isso nao seria suficiente, pois o homem escavaria a terra e acabaria por reencontrar a sua natureza divina.
Entao os deuses da água sugeriram que se atirasse para o fundo do mar. Novamente Brahma lhes respondeu que, mais cedo ou mais tarde, o homem exploraria as profundezas do mar e a recuperaria.
Os deuses menores já nao sabiam que outros lugares poderiam existir, quer na terra que no mar, onde o homem nao conseguisse chegar um dia.
Entao Brahma disse: "Vamos fazer o seguinte: colocaremos a bola de vidro dentro do próprio homem, em algum lugar em que ele nunca irá procurar."
E desde esse dia, segundo conta a lenda, o homem tem percorrido e explorado o mundo, subido às montanhar mais alto e descido às grandes profundezas da terra e do mar, sempre à procura de tal bola de vidro, que representa a felicidade, a auto-realização, o prazer de viver...mal sabe que a resposta está dentro de si mesmo.

Reclamões ou Conformados?

Que coisa louca!
Notei, dentre os vários tipos de pessoas, que existem dois que se destacam: os reclamoes e o conformados.

Os reclamoes sao aqueles em que nada está bom. Se chove reclamam do barro e da molhança, se faz sol reclamam do calor e da claridade forte demais que machuca os olhos. Se têm trabalho reclamam que trabalham muito por pouca remuneração, se nao têm reclamam que o governo é ruim e que tem muita gente desempregada. E assim vivem...a cada dia um novo motivo para reclamar.

Já os conformados nao se preocupam com nada...tudo está bom. Se chove está bom, se faz sol está bom, se têm trabalho está bom, se nao têm também nao faz mal, afinal, quem tem trabalho bom hoje em dia?...Nao estudam porque "nao vai adiantar mesmo...tem tanta gente com boa formação e desempregados..."O governo é corrupto, mas e daí? Quem é perfeito? E aí que pagamos muitos impostos? Tem países piores....

Ah! Que coisa louca!!!
Nao quero fazer parte de nenhum desses perfis!!!
Chega de reclamar, afinal sempre temos mais de uma opçao de escolha.
Nao quero me conformar também. Temos direito de viver melhor, sei que depende só de mim.


Quer saber?
Damos muito valor ao que nao existe.
Perdemos muito tempo fazendo coisas que todo mundo faz pra "nao ficar por fora". Acabamos nao descobrindo o que realmente gostamos de fazer.

O melhor é viver. Viver livre, deixar os pensamentos (ou a alma, como queiram) nos ensinar o que é melhor para nós.
Precisamos usar mais a competência do coração do que a da razao.

(texto escrito em 2008)

Conceitos sociais

Estava agora pensando na visão que a sociedade tem dela mesmo. E quando falo “sociedade” não estou me excluindo, é só uma forma de generalizar a classe animal denominada humana, tão bem “civilizada”.
O que inspirou tais pensamentos foi, em especial, o evento do “garota verão” realizado no sul do país, onde, conforme comentário da jornalista que está cobrindo o evento, escolherá a mais bela garota da estação. Agora, vamos pensar juntos: o que define quem é mais belo ou não? Por que isso é tão importante? (Não venham agora me dizer que não é importante, se não o fosse não dariam tanta ênfase ao assunto e o evento não estaria perpetuando há tanto tempo). Afinal, quem, quando e porquê foi definido quem é o membro da sociedade mais bem sucedido, ou a mulher mais bela, ou a pessoa mais inteligente, ou a criança mais educada? (O que seria educação?)
É possível que possamos obter muitas respostas com base na nossa história, cultura e tantos outros fatores. Mas não é exatamente nesse ponto que quero chegar. A questão exata talvez seja: em que nós, como indivíduos únicos e insubstituíveis, estamos aceitando acreditar? Pois a impressão que tenho, na maioria das vezes, é de que todo mundo, inclusive eu, concorda com tudo o que é falado por alguém que julgamos ser superior a nós sem pensar. Em primeiro lugar vamos questionar o que nos faz pensar que tal personagem é superior a alguém quer seja a nós ou a qualquer outra pessoa. Seria o status social? A profissão? O conhecimento? A beleza?
Ora, tenho que admitir que não vai adiantar eu vir aqui e dizer que todos são iguais perante Deus porque ainda não discutimos quem é Deus afinal. Não adiantará também inventar que eu acredito na igualdade entre todos os membros de uma sociedade porque estaria sendo totalmente hipócrita sabendo que diferencio muito as pessoas que vejo, e estaria sendo egoísta também ao dizer que sou mais humilde que você que está lendo. De que então adiantaria explicar que o que nos define como seres racionais é apenas um conceito criado por nós mesmos? Da mesma forma que inventamos um deus para conseguir impor nossas vontades na vida de outras pessoas, criamos também esse conceito de superioridade para explorar as outras espécies.
Talvez pudesse citar vários conceitos que criamos e já foram destruídos por nós mesmos, ou por conveniência ou por prova científica. Porém as de beleza e status social são uns dos tão poucos que mudam somente superficialmente, mas continuam com a mesma essência.
Vejo pessoas do meu convívio falarem em alto e bom som sobre igualdades, moral, ética e tantos outros tabus sociais como alguém que se libertou e está a viver plenamente a vida. Mas quando olho para as atitudes dessas pessoas, por mais humanas, carismáticas e sociais que sejam, não consigo ver tudo aquilo que defendem. É medico que defende igualdade das classes sociais, dizendo-se não-superior a qualquer outra pessoa, contudo quando está falando é ele quem tem toda a razão, e quando está ouvindo olha de forma que dá a entender que a pessoa que está falando poderia ser melhor, tão boa quanto ele; de outro lado um jovem homem que defende igualdade de gênero porém espera das mulheres que vivem com ele para que limpem a casa, preparem o alimento e lavem suas roupas; ou ainda sou eu mesma que, depois de tanto argumentar por tudo isso e muitas outras coisas, ainda olho com olhares não-puros para alguém que vem pedir minha ajuda sem ter demonstrado esforço algum em mudar de vida e tornar-se independente (talvez a solução para o meu caso seja eu mesma encontrar uma forma para essas pessoas se libertarem da idéia que existe alguém superior que pode lhe ajudar).
Por outro lado, ainda no tema “garota verão”, vejo essas garotas lutando para serem reconhecidas não como a mais bela da estação, mas para serem vistas como mulheres, como pessoas, talvez tentando encontrar uma forma de chamar atenção e gritar para o mundo: EU EXISTO!!!
Por fim, talvez seja esse, então, o objetivo de todos os nossos conceitos de superioridade: encaixar-nos em qualquer um deles como uma forma de mostrar para os outros que somos importantes também, seja nisso ou naquilo. Uma forma de mostrar ao mundo que existimos.

(escrito em 2008)

Liberdade - Baseado na relação entre Harry e Edwiges

O Harry, o famoso bruxo da J.K. Rowling, ganhou uma coruja no primeiro ano de estudos na escola de bruxaria de Hogwards.
Ora, as corujas, todos têm conhecimento disso, sao aves comumente noturnas, têm boa visao e audição, silênciosas... mas além disso, elas servem de correio para os bruxos, têm consciência de onde e quando seus amigos estao e se apresentam sempre que estes precisam de ajuda.
Nao bastasse isso, descobri também que elas gostam de liberdade. O Harry teve de segurar a Edwiges trancada durante as férias e ela ficou desorientada, barulhenta e impaciente. Também pudera...um ser que vive livre, tem bons olhos e bons ouvidos...como poderia aceitar viver preso?

Harry já aprendeu que para Edwiges fazer companhia para ele é necessário que se dê liberdade para ela poder ir e vir quando e por quanto tempo quiser. Ele sabe que ela volta, sempre volta, por um motivo muito simples: os seres que vêem, ouvem e podem voar dao valor àqueles que lhe dao liberdade!


(Qualquer semelhança com a personagem e/ou autora do blog é mera coincidência da evolução das espécies)

A formiga e a coruja

Era uma vez uma formiga que vivia trabalhando, orgulhosa de ser responsável pelo seu dever de levar ao formigueiro tudo que lhe era pedido. Vivia em bando, sempre falando muito, no entanto, sem muito o que falar.
Um dia encontrou-se com uma coruja e pediu:
- Hei coruja por que você está sempre em silêncio, nunca te vejo trabalhar no pesado, está todo tempo pensando...nao te faltas nada?
A coruja, demorando-se um pouco para responder, mas percebendo a impaciência da formiga, respondeu:
- Ora, eu só faço o que é necessário à minha sobrevivência.
Ouvindo isso, mas nao escutando, a formiga continuou fazendo o que lhe era ordenado: todos os dias antes do sol nascer já estava em sua labuta levando e trazendo coisas até oito vezes mais pesadas que seu próprio corpo, para o bem do formigueiro.
Um belo dia passando com seus companheiros pela coruja, novamente lhe disse:
- Ora, ora, ora senhora coruja, nao tens vergonhas tu de ficar aí parada com tanto serviço que há para se fazer?
A coruja olhou atentamente e observou as muitas feridas que haviam em sua pele e perguntou:
- Como está senhora formiga? Tem passado bem? O que tens feito para conhecer melhor a si e aos que te rodeiam?
A formiga, indignada com a falta do que fazer da coruja bradou:
- Ora, dona coruja, deixe de enrolações, nao tenho tempo para isso! Minha família está bem, eu levo alimentos em grande quantidade para eles todos os dias! É tanto alimento que nem conseguem comer tudo, chegam a estragar ainda no estoque!
A coruja se calou, mas pensou:"Sim, sim, tenho visto como as plantações desse fazendeiro têm sido nocauteadas por vocês".
Muitos dias mais tarde, a formiga ia passando por um caminho diferente e avistou outra coruja. Ela pode perceber que era diferente daquela que sempre conversava, mas nao tinha tempo para conhecê-la. Antes que pudesse pensar em qual caminho tomar viu uma companheira de sua espécie ser engolida por aquela ave.
Desesperada foi ter satisfações com a vizinha:
Dona coruja! Nao posso me conter pela humilhação que passei há pouco tempo atrás! Nao bastasse à sua espécie ser preguiçosa ainda se alimentam de seres tao trabalhadores como nós?!
A coruja, sabendo que devia se tratar de sua amiga que alimentava-se de insetos, falou pausada e calmamente:
- Ah, dona formiga, nós só fazemos o que é necessário para nossa sobrevivência!


Moral da história: quem muito fala e faz sem pensar, nao só deixa de aproveitar os bons momentos da vida como também serve de alimento para aqueles que pensam.





(Logo em seguida da criação dessa nova versao da fábula de La Foutaine - A cigarra e a formiga, encontrei outra um tanto interessante também nesse site: http://www.bilibio.com.br/mensagem/169/A+formiguinha+e+a+Cigarra+nova+versao.html - vale a pena ler!)

Não seja diferente!

"Nao seja diferente!" É essa a ordem do taxista 147 ao personagem 6 da Vila.
"Nao seja diferente porque eles vao te perseguir pelo resto da vida, e você nao vai suportar."

Vila?
O vídeo promo da nova série do HBO é: "Você só pensa que é livre."
Como ainda somos tao escravos se estamos conscientes disso?
Muitas das pessoas que convivem comigo percebem que nao somos livres, eu percebo, mas o que fazemos para mudar essa situação?
Nao vejo ações para nossas palavras. E palavras sao só palavras...sons jogados ao vento.

Vamos celebrar nossa escravidao!

Vamos sair às comprar para desestressar. Fumar um para esquecer. Transar para relaxar. E no fim do dia deitar a cabeça no traveseiro e pensar que somos alguém, enfim. Um tolo que pensa que é feliz porque tem onde morar, trabalho, roupas e um bando de idiotas que gostam dele.

Mas mesmo assim, nao consigo odiar ninguém. Nao consigo nem aumenos pegar uma corda para me enforcar!
Afinal, já descobri: é tudo fantasia. Nada é real. A verdade é que somos só mais um, mais um corpo fazendo peso no planeta. Sem diferença alguma. Somos só mais um número.

1112. O filho do 2 matou a mae e se matou depois. E o 2 é Deus na Vila.
Ironia? É relativo.

Mas nao seja diferente que tudo vai dar certo. Nao tenha os porquês e praquês no seu vocabulário que você será muito bem visto e todos vao te adorar.

Mas, apesar da escravidao, é possível ser feliz sim. Porque, afinal, como diz meu amigo, felicidade é um fator químico!
E o é mesmo. Felicidade sao só processos químicos em nosso organismo, que podem ser estimulados de algumas boas formas. Cada um deve descobrir a sua maneira de ser feliz e usá-la bem.

Mas tente nao escravizar ninguém. Busque liberdade para si e para os outros.

Sobre a mensagem do "Danregularis"

Eu sempre recebo uns emails absurdos, a maioria eu nao respondo e talz....aliás, acho q nunca tinha respondido antes. Mas esse eu nao posso deixar de expressar o que penso e de dar algumas dicas sobre o que acreditar ou nao da Internet a quem interessar.
Primeiro leiam a mensagem que recebi, pra vcs terem uma ideia do que estou falando, depois o "meu recado" logo abaixo.





"A VERDADE SOBRE

O -ACTIVIA-!!!




Por essas e por outras, tudo vai se acabar

mais cedo do que pensamos...

Mas o mais interessante, é que a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) somente agora, depois de publicada essa denúncia pela internet, resolveu proibir a propaganda do Activia. Por quê não o fez antes, já que conhecia o problema, sendo uma "agência técnica"???

Isso deixa claro que podemos muito através da internet, podemos mesmo mudar o rumo desta Nação, basta que queiramos. Uma mensagem de caixa a caixa com certeza tudo pode: derrubar um político, baixar o preço de produtos, eliminar coisas avessas ao organismo humano, tipo o Activia,. Basta que saibamos nos unir numa corrente forte...

Na prática não precisamos de coisa nenhuma da Danone e de outras do gênero; Leiam isto:

Afinal, o que é Activia? O que são os bacilos DanRegularis ?

"Bifidobacterium animalis é uma bactéria anaeróbica gram-positiva encontrada nos intestinos de animais de grande porte, inclusive humanos."

Qual seria então a fonte para se obter o famoso DanRegularis?

NÃO, você não está enganado. São as FEZES HUMANAS!!, SIM, SIM E SIM!!!

Mas o absurdo não para aí.

Muitas empresas têm tentado registrar subespécies específicas como uma técnica de marketing, renomeando estas subespécies com rótulos pseudo-científicos.

A Danone (Dannon) protocolou como marca registrada a cepa DN 173.010, e comercializa o organismo nomeando-o de:

Bifidus Digestum (Reino Unido), Bifidus Regularis (EUA e México), Bifidubacterium Lactis ou B.L. Regularis (Canadá),
DanRegularis (Brasil) e Bifidus Artiregularis (Argentina, Áustria, Bulgária, Chile, Alemanha, Itália, Irlanda, Romênia, Rússia e Espanha).

Cientificamente, o nome correto desta cepa é Bifidobacterium animalis subsp.animalis, strain DN-173.010.

O motivo pelo qual a bebida láctea Activia ajuda na digestão é o simples fato de que a bactéria adicionada pela Danone pertence a uma cepa mais irritante para a mucosa intestinal, que ao entrar em contato trata de expelir o mais rapidamente possível o material fecal.

Sejamos honestos. É saudável, a longo prazo, acostumar o sistema digestivo (ou mais modernamente, sistema digestório) humano a somente funcionar pela introdução de um material irritante/estimulante? Isso não seria viciar o organismo? Não seria mais coerente consumir mais fibras e menos pão branco, o verdadeiro culpado pelos problemas intestinais?

Alimento probiótico, eles dizem... Até quando vamos ser ingênuos (ou seria mais correto otários) de acreditar cegamente em propagandas e em campanhas de marketing??

A bebida láctea contendo Bifidobacterium animalis sp vem sendo comercializada pela Danone pelo mundo afora desde 1990, mas somente no Brasil tiveram a cara-de-pau de colocar o nome da marca Danone (DanRegularis) no nome científico registrado.

Mas, sinceramente, prefira as verduras ao leite de cocô doce.

EM OUTRAS PALAVRAS, A TAL DE BEBIDA LÁCTEA TEM MERDA MESMO!!!!!!
Marília C. Duarte
(Nutricionista)
São Paulo - SP


Anvisa proíbe propaganda do iogurte Activia (Folha Online):
http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u416847.shtml

27/06/2008 - 13h33
Anvisa proíbe propaganda do iogurte Activia

da Folha Online

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) determinou nesta sexta-feira a suspensão de todas as propagandas do iogurte Activia por problemas na divulgação de suas propriedades.

Para a agência, a Danone, responsável pelo produto, anuncia o iogurte como se ele fosse "uma forma de tratamento para o funcionamento intestinal irregular." O decreto, de "interesse sanitário", foi publicado hoje no "Diário Oficial da União".

Em seu site, a Danone afirma que "tomar Activia diariamente, como parte de uma dieta equilibrada e de um estilo de vida saudável, proporciona uma quantidade suficiente de bacilos DanRegularis para ajudar a regularizar o seu sistema digestivo."

A Danone foi procurada pela reportagem por meio de sua assessoria de imprensa, mas ainda não se manifestou.



VAMOS POIS BOICOTAR ESTE PRODUTO FEITO COM EXCREMENTO ANIMAL, SABE-SE LÁ QUE TIPO DE DOENÇAS ISSO

PODERA ACARRETAR DENTRO DO NOSSO ORGANISMO EM UM FUTURO PRÓXIMO COM TANTAS DOENÇAS ESTRANHAS

APARECENDO, EPIDEMIAS,ETC...

SE PUDERMOS VAMOS EVITAR CERTOS TIPOS DE ALIMENTOS.

CARO AMIGO VAMOS REPASSAR ESTA MENSAGEM, É PARA O BEM DA NOSSA SAÚDE!..."


Olha o perigo em se acreditar em tudo que se lê na INTERNET e ainda repassá-las como verdade...eu não sou a pessoa mais indicada a constestar essas informações, mas infelizmente não conheço nenhum (a) nutricionista a ponto de pedir esse favor, portanto aqui está minha opinião sobre o assunto:

Primeiro: Um alimento, pra ser comercializado, deve ter passado por uma avaliação rigorosa, até pq o SUS garante isso no Brasil. Nenhum produto é comercializado sem que antes tenha passado por isso;

Segundo: A flora instestinal deve ter, realmente, em sua composição esse material, mas isso, de forma alguma, significa que estamos comendo (ou tomando) fezes. A feze é um composto de várias coisas, principalmente de restos de alimentos, nao de uma única.
Outro exemplo: sabe o leite fermentado (o velho Yakult e agora o novo e mais delicioso ainda Actimel)? Ele é composto por Streptococcus salivarius subsp. thermophillus e Lactobacillus acidophilus, Lactobacillus casei, Bifidobacterium sp., e/ou outras bactérias lácticas. Leu bem? Salivarius mesmo! De saliva. Temos essa bactéria em nossa saliva. Vai deixar de tomar leite fermentado por causa disso tbm?
Uma porção de alimentos tem em sua composição bactérias. Isso nao significa que estamos comendo saliva, ou fezes ou seja lá o que for. Significa que os engenheiros estao cada vez mais espertos pra transformar nossos alimentos mais saudáveis.

Terceiro: Qualquer pessoa pode assinar dizendo que é profissional da saúde. Note que nao tem o número do CFN ou CRN (conselho de nutricionistas). E , se vc tiver dúvidas, digita o nome da pessoa no google escrito assim: "CRN Marília C. Duarte". O que apareceu? Uma explicação do Conselho de Nutricionistas afirmando que ela nao possui cadastro, nao é?
Agora digita assim: "COREN Neila Gregorio" (COREN: Conselho Regional de Enfermagem). Apareceu um link que tem meu número de cadastro, nao apareceu? (401771)
Se quiser pode digitar de qqer profissional de saúde que vai aparecer. Nao tenho nenhum nutricionista conhecido (nem sei o nome de ninguem), mas procurei na lista telefonica aqui de Chapecó por "nutricionistas" e encontrei uma tal de Flavia Baldissera. Será que ela é mesmo nutricionista? Posso confiar e ir consultar com ela? Bem, vamos procurar no google!
ah! sim! encontrei. seu número de CRN é 1227.
Sendo assim, qualquer pessoa que quiser conferir se um médico tal é mesmo médico basta digitar "CRM Fulano de Tal" que vai aparecer o número dele. Isso sem contar que vai aparecer as inscrições em concursos, as participações em fóruns, etc etc...

Portanto, antes de corrermos o risco de repassar informações para pessoas que acreditam em tudo que veem e ou leem, vamos dar uma conferida pra ver se é verdade ou nao?

Isso vale tbm pra aquelas outras mensagens: repasse esse email pois a empresa tal vai me dar tantos reiais pra que eu pague um tratamento de uma doença grave; ou: Se vc enviar pra tantas pessoas esse email vc concorre (ou ganha) tal prêmio (se fosse assim eu já teria ganho uma casa, um terreno em SP e um notebook!).
Em casos como esse é fácil saber se é verídico: entre no site da empresa e procure por essa informaçao. Nao achou e está louco de vontade de ganhar o prêmio mesmo assim? Passe um email (nos sites de empresas sempre tem um email pra entrar em contato) pedindo da veracidade da informação. Se eles nao confirmarem é mentira (normalmente é, ninguem dá nada de graça).


***Por via das dúvidas trago outras fontes que vao defender essa mesma ideia que a minha:

*No yahoo respostas:

- Na resposta de "Flor":
"Na atual literatura científica, o Bifidobacterium animalis subsp lactis (ou b.lactis) não
apresenta nenhuma característica que irrite ou agrida a mucosa intestinal. Existem
estudos científicos mostrando que Activia melhora a qualidade de vida dos indivíduos
que sofrem com a síndrome do intestino irritável. Outro ponto importante é que
outras espécies do gênero Bifidobacterium podem ser encontradas naturalmente no
trato intestinal de indivíduos saudáveis.

A atual nomenclatura taxonômica para essa cepa de bactéria probiótica é o
Bifidobacterium animalis subspécie lactis (Masco et al., 2004), protegida pela patente
EP1297176B1(Antoine et al., 2002).

Esta cepa probiótica alimentar está depositada na Collection Nationale de Cultures de
Microorganismes (CNCM) em Paris, França, que é uma autoridade internacional, criada
de acordo com o tratado de Budapeste.

O DanRegularis que você encontra em Activia é obtido a partir da replicação em
cultura estéril dessa cepa. O processo de replicação de fermentos é largamente
utilizado, não só na produção de iogurtes e leites fermentados, mas também de
queijos, vinhos, pães etc.

O leite fermentado Activia também está registrado no Ministério da Agricultura do
Brasil e, por se tratar de um alimento funcional, também foi avaliado pela CTCAF
(Comissão Técnico-Científica de Assessoramento em Alimentos Funcionais e Novos
Alimentos da ANVISA).

Activia possui 17 estudos clínicos, comprovando seu efeito benéfico. Esses estudos
foram realizados pelo departamento de Pesquisas da Danone e por diversas

universidades do mundo e foram publicados nas mais reconhecidas revistas científicas.
O leite fermentado Activia está presente em mais de 70 países e, aqui no Brasil, desde
janeiro de 2004. Reafirmamos que a Danone, empresa líder mundial de produtos

lácteos frescos e água mineral, presente em mais de 120 países, tem o compromisso
de levar saúde e nutrição aos seus consumidores e o leite fermentado Activia é um
exemplo disso.

Para mais informações sobre o produto, acesse www.activiadanone.com.br ou entre
em contato com o nosso DAC no número 0800 701 7561.

DAC- Departamento de Atenção ao Consumidor da Danone Brasil"
(Disponível em http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20091020174738AAwPdmF. Acesso em 30 de outubro)

*Sobre o CRN Da tal de Marina:
"ESCLARECIMENTO

ref.: e-mail de Marília C. Duarte sobre o bacilo DanRegularis

O Conselho Regional de Nutricionistas - 3ª Região esclarece que MARÍLIA C. DUARTE não é inscrita neste Regional.

Por outro lado, informa que está envidando esforços para entrar em contato com a pessoa em questão, a fim de verificar a utilização do nome da profissão e, consequentemente, para que as devidas medidas legais possam ser tomadas.

CRN-3
Colegiado 2008-2011"
(disponível em http://www.crn3.org.br/atualidades/newsletter_vis.php?cod_mail=233. Acesso em 30 de outubro)

*Sobre a composição do Leite Fermentado:

"Entende-se por leite fermentado ou cultivado o produto cuja fermentação se realiza com um ou vários dos seguintes cultivos: Streptococcus salivarius subsp. thermophillus e Lactobacillus acidophilus, Lactobacillus casei, Bifidobacterium sp., e/ou outras bactérias lácticas que, por sua atividade, contribuem para a determinação das características do produto final."

(Disponível em http://www.ufrgs.br/alimentus/laticinios/leites_fermentados/fermentados_leite.htm. Acesso em 30 de outubro)

********

Note também que os sites que procuro pesquisar sao de confiança: universidades, conselhos regulamentadores de profissoes...valem tbm Wikipedia e Yahoo Respostas desde que seja assinado por um profissional devidamente identificado (confirmo o número de registro sempre e isso vale pra outras profissoes tbm, como advogados) ou que traga links de sites confiáveis.



Um abraço!

As muitas coisas que se falam na INTERNET

Eu sou apaixonada pela INTERNET, adoro navegar, pesquisar, falar com outras pessoas, ler...tudo que é possível. Com o tempo você acaba descobrindo quais são os sites confiáveis, como identificar um perfil fake e tudo fica ainda mais gostoso (eu mesma tenho adicionados ao meu orkut, perigosamente, perfis que sei serem fakes, mas acho-os divertidos...).
Mas a INTERNET é pública, e isso permite que qualquer pessoa fale o que queira, se identifique como queira e tudo que é possível quando uma pessoa está falando sem que os outros vejam "sua cara" (tanto no sentido físico quanto no moral). Não é de se estranhar, portanto, que isso cause muitos problemas. Fale-se de muito desses problemas, desde de um simples engano sobre uma informação qualquer até crimes como pedofilia. Ao meu simples e ignorante ponto de vista isso se dá não somente pela maldade das pessoas que praticam tais atos, quanto pela "inoscência" de quem os aceita.
Eu explico: na INTERNET quase tudo é possível, sendo assim torna-se possível fazer maldades e bondades, dependendo da intenção. Então por que nao conferir quem é "o outro" que me fala? Você consegue rastrear o número de IP de uma pessoa quando recebe um e-mail de tal, por que, então, se você está mantendo contato mais próximo com essa pessoa não conferir se ela mora onde diz que mora? Por que não verificar quem ela é realmente? Não que isso seja possível sempre, mas em casos especiais vale o esforço. Tudo deve ser feito com certa cautela, é claro, mas é para o próprio bem e, se a outra pessoa for no mínimo sensata, não vai se ofender ao descobrir que você buscou por tais informações. (Talvez ocorra justamente o contrário: ela se sinta lisonjeada por isso).
Percebo, então, quase diariamente o quanto as pessoas confiam em muitas babaquices que se falam nessa rede tão democrática. Não é difícil perceber. Quem ainda não recebeu uma correspondência eletrônica informando qualquer coisa que seja e garantindo que aquilo é verdade e deve, oobrigatoriamente, ser passada a muitas outras pessoas (normalmente com uma ameaça que, se a pessoa estiver num dia péssimo, terá a tendência de repassá-la o mais depressa possível para não perder tal dádiva ou não receber tal desgraça). Quando se trata de um assunto "mais importante" essa mensagem, normalmente, está assinada por um falso profissional da área (com ou sem o número do conselho que regulamenta tal profissão), para que aquilo seja visto, realmente, como uma verdade absoluta, tal como na mensagem atual sobre o Activia da Danone (veja meus maus comentários sobre o assunto em http://algoadizerainda.blogspot.com/2010/10/sobre-mensagem-do-danregularis.html) que, não sei qual foi a intenção do autor (ohhh...eu sou tão tão ingenua!), mas que foi disseminada pelos e-mails e agora virou até tema de debates em blogs.
Como se não bastasse os alertas sobre spams e todos os outros perigos, que sou quase inteiramente ignorante para citá-los, as pessoas não se envergonham em repassar a informação, afirmando nitida e convincentemente que deve ser repassado para o bem da humanidade. Ah! Com certeza...repassem e abram tudo que receberem, depois me tragam seus PCs para que eu formate, pois ele estará carregado de porcarias das mais diversas e divertidas, por favor! (eu formato mesmo, viu? heheheh)
Então, minha indignação hoje foi posta à prova quando recebi uma mensagem desse calão de um amigo que muito estimo e considero inteligente o suficiente para não acreditar em tais coisas. Não sei se a intenção dele foi me fazer rir, mas o sentimento que provocou, especialmente hoje que não estou com o melhor de meus humores, com certeza passou longe disso e me obrigou não só a repassar minha indignação como fazer duas (duas!) postagens aqui no blog sobre o assunto.

Não bastasse essa mensagem por e-mail, pareceu-me que a semana foi especial para esse assunto em minha vida, porque, coincidentemente, ontem, quando liguei a tv (eu tenho mania de chegar em casa e ligar a tv quando tenho os canais que gosto) estava num canal que muito aprecio e estavam discutindo sobre um assunto parecido. No programa Expressão Nacional, da TV Câmara (sim, eu sou do tipo mais chato de pessoa que assiste a esses canais) estavam com o apresentador Antonio Vital o deputado Paulo Henrique Lustosa, o cientista política Flavio Testa, a historiadora Regina Helena Alves da Silva(UFMG) e o secretário de assuntos legislativos do Ministério da Justiça, Felipe de Paula e falavam sobre "A Internet na Campanha Eleitoral" e as injustiças que podem provocar as informações não confirmadas e repassadas sem escrupulos pelos internautas, alguns inoscentemente, acreditando realmente que aquilo seja verdade, outros nem tanto, eu diria.
(o vídeo está disponível em http://www.camara.gov.br/internet/tvcamara/?lnk=EXPRESSAO-NACIONAL-DEBATE-USO-DA-INTERNET-NAS-CAMPANHAS-ELEITORAIS-BL-1&selecao=MAT&materia=112252&programa=110&velocidade=100K)

Por isso, eu sinto muito em informar, mas existem pessoas maldosas e nao se deve acreditar muito em muitas pessoas, porque elas mentem. Não por outro motivo devemos desconfiar de tudo que nos falam e, antes de acreditar, dar uma "espiadinha" pra verificar a veracidade da informação, se houver interesse no assunto.

sábado, 11 de setembro de 2010

Dicas para ter um infarto feliz

1. Cuide de seu trabalho antes de tudo. As necessidades pessoais e familiares são secundárias;

2. Trabalhe aos sábados o dia inteiro e, se puder também aos domingos;

3. Se não puder permanecer no escritório à noite, leve trabalho para casa e trabalhe até tarde;

4. Ao invés de dizer não, diga sempre sim a tudo que lhe solicitarem;

5. Procure fazer parte de todas as comissões, comitês, diretorias, conselhos e aceite todos os convites para conferências, seminários, encontros, reuniões, simpósios etc.;

6. Não se dê ao luxo de um café da manhã ou uma refeição tranqüila. Pelo contrário, não perca tempo e aproveite o horário das refeições para fechar negócios ou fazer reuniões importantes;

7. Não perca tempo fazendo ginástica, nadando, pescando, jogando bola ou tênis. Afinal, tempo é dinheiro;

8. Nunca tire férias, você não precisa disso. Lembre-se que você é de ferro; (ou: lembre-se que a vida é curta, você precisa aproveitar)

9. Centralize todo o trabalho em você, controle e examine tudo para ver se nada está errado. Delegar é pura bobagem; é tudo com você mesmo;

10. Se sentir que está perdendo o ritmo, o fôlego e pintar aquela dor de estômago, tome logo estimulantes, energéticos e anti-ácidos. Eles vão te deixar tinindo;

11. Se tiver dificuldades em dormir não perca tempo: tome calmantes e sedativos de todos os tipos. Agem rápido e são baratos.

12. E por último, o mais importante: não se permita ter momentos de oração, editação, audição de uma boa música e reflexão sobre sua vida . Isto é para crédulos
e tolos sensíveis. Repita para si: Eu não perco tempo com bobagens.

*Dr. Ernesto Artur - Cardiologista

Eu acrescentaria ainda:
13. Não passe tempo com crianças, sejam seus filhos ou não. Crianças acham que a vida é um parque de diversões e podem te influenciar;

14. Preocupe-se muito com o que os outros pensam sobre você e faça de tudo para manter uma boa imagem;

15. Não se distraia vendo as paisagens, pessoas ou qualquer outra coisa que possa dispersar sua concentração do estresse do trânsito caótico durante o trajeto de/ para casa.

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Destróia (poema bocó de desamor)

Não traga esse assunto à tona

Não quero ouvir.

Não quero falar sobre a maratona.

Não quero, você está falando grego.

Não me faça levantar peso,

Eu não tenho tino pra atleta.

Não me convide prum triathlon

Odeio água e bicicleta

Não quero um romance épico

Vai-te embora com teu fogolímpico

Eu prefiro jogar cartas

Em resumo, campeão,

Vai pro raio que te Esparta.

(Extráido de http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20081017091004AAwrpSv. Acesso em 09/09/10)

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Valem a pena serem vistos e lidos

http://www.helomartins.com.br/index.php

http://palavrastodaspalavras.wordpress.com

http://www2.uol.com.br/millor/

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Um Pablo Neruda pra alegrar o dia

Morre lentamente quem não viaja, quem não lê,
quem não ouve música,
quem não encontra graça em si mesmo.

Morre lentamente quem destrói o seu amor-próprio,
quem não se deixa ajudar,
morre lentamente quem se transforma em escravo do hábito,
repetindo todos os dias os mesmos trajetos, quem não muda de marca,
não se arrisca a vestir uma nova cor
ou não conversa com quem não conhece.

Morre lentamente quem faz da televisão o seu guru.

Morre lentamente quem evita uma paixão,
quem prefere o negro sobre o branco e os pontos sobre os "is" em detrimento de um redemoínho de emoções,
justamente as que resgatam o brilho dos olhos, sorrisos dos bocejos, corações aos tropeços e sentimentos.

Morre lentamente quem não vira a mesa quando está infeliz com o seu trabalho,
quem não arrisca o certo pelo incerto para ir atrás de um sonho,
quem não se permite pelo menos uma vez na vida a fugir dos conselhos sensatos.

Morre lentamente, quem passa os dias queixando-se da sua má sorte ou da chuva incessante...
Morre lentamente, quem abandona um projeto antes de iniciá-lo,
não pergunta sobre um assunto que desconhece
ou não responde quando lhe indagam sobre algo que sabe.
Evitemos a morte em doses suaves, recordando sempre que estar vivo exige um esforço muito maior que o simples fato de respirar.
Somente a perseverança fará com que conquistemos um estágio pleno de felicidade"

domingo, 4 de julho de 2010

sábado, 26 de junho de 2010

Moon phases



Understanding The Moon Phases
Have you ever wondered what causes the moon phases? We all know that its appearance changes over time. But why?
One important thing to notice is that exactly one half of the moon is always illuminated by the sun. Of course that is perfectly logical, but you need to visualize it in order to understand the phases. At certain times we see both the sunlit portion and the shadowed portion -- and that creates the various moon phase shapes we are all familiar with.
So the basic explanation is that the lunar phases are created by changing angles (relative positions) of the earth, the moon and the sun, as the moon orbits the earth.


It's probably easiest to understand the moon cycle in this order: new moon and full moon, first quarter and third quarter, and the phases in between.

The new moon occurs when the moon is positioned between the earth and sun. The three objects are in approximate alignment. The entire illuminated portion of the moon is on the back side of the moon, the half that we cannot see.

At a full moon, the earth, moon, and sun are in approximate alignment, just as the new moon, but the moon is on the opposite side of the earth, so the entire sunlit part of the moon is facing us. The shadowed portion is entirely hidden from view.

The first quarter and third quarter moons (both often called a "half moon"), happen when the moon is at a 90 degree angle with respect to the earth and sun. So we are seeing exactly half of the moon illuminated and half in shadow.

Fonte: http://www.moonconnection.com/moon_phases.phtml

Nosso lindo país



Fotos de Eduardo Traiano

segunda-feira, 31 de maio de 2010

Educação

"O único homem educado é aquele capaz de se adaptar e mudar." (Carl Rogers)

"O único conhecimento seguro é saber procurar conhecimento." (NICOLAIDES, 2008)

domingo, 23 de maio de 2010

Especial Aline (O Filme)

Primeira parte:
video

OK!
Nao sei o porquê das quantas o blog não está mais deixando eu upar...então, pra quem tiver curiosidade, o jeito é ver no you tube:
Parte 2: http://www.youtube.com/profile?user=fasdamariaflor#p/u/92/yntX85eQiI0
E assim vai...só ir lá que encontra. Todos os vídeos de um mesmo usuário (fadasmariaflor). O último vídeo está renomeado errado: está como 6 e é 5.


(Desculpem a resolução ruim, foi a única versão que consegui)

Aline - Díario

O primeiro episódio de Aline!

"A Terra é azul!!!"

Parte 1:
video
Parte 2:
video
Parte 3:
video

Uma série baseada nas tiras de Adão Iturrusgarai. Para ver os originais das tiras: http://adao-tiras.blog.uol.com.br/aline/ (e tem mais coisas legais no blog todo). Os vídeos originais da série estão em: http://aline.globo.com/Aline/0,30514,17677,00.html